Buscar

Pequenas mudanças que fazem a diferença!

Todos os anos fazemos mil e uma resoluções de Ano Novo que sugerem enormes melhorias nas nossas vidas – este ano vou inscrever-me num ginásio, este ano vou fazer dieta, este ano vou juntar dinheiro para fazer "aquela" viagem, entre outras tantas.

Mas até que ponto cumprimos realmente estas promessas que fazemos a nós próprios? E se não as cumprimos, porque será? Que motivos podem estar por detrás destas desistências, ano após ano?

Uma coisa é certa, o trabalho ocupa uma grande parte das nossas vidas (se não mesmo a maior), se não nos sentirmos bem no nosso trabalho, será que teremos força de vontade e motivação suficiente para levar estas promessas em frente? O que poderia mudar?


Bom, há sempre espaço para a mudança, e pequenas mudanças podem fazer toda a diferença!


Uma destas mudanças está na atenção das empresas à saúde dos seus colaboradores. E não, não é só a Medicina no Trabalho que conta. Muitos outros fatores podem ser tidos em consideração para que os trabalhadores sintam cuidado sobre eles, e que com isto se sintam mais motivados, satisfeitos, e por consequência mais produtivos e empenhados em atingirem as suas metas, tanto pessoais como profissionais.


Muitas empresas possuem acordos com ginásios onde os colaboradores podem usufruir de descontos mensais, mas porque não trazer o exercício físico às empresas e estimular a sua prática tendo em conta os enormes benefícios que pode trazer a toda a equipa?

Porque não, por exemplo, ajustar a hora de almoço de cada colaborador a um período de alimentação e exercício físico, ao invés de se impor um tempo restrito?

Segundo o lema “healthy body – healthy mind”, este é um cuidado sobre a saúde dos trabalhadores que deve ser tido em consideração.


No seguimento deste assunto, podemos ainda acrescentar o cuidado sobre a própria alimentação dos trabalhadores: cuidados nutricionais são essenciais, principalmente se acompanhados por profissionais. A ideologia de alimentação saudável aliada à prática de exercício físico deve ser estimulada pelas empresas e incutida nos trabalhadores como algo essencial. É importante que as empresas mostrem que existe mais preocupação para além dos lucros, e que essa preocupação é tida sobre os funcionários.


Pessoas mais saudáveis são pessoas mais motivadas e este estado de espírito reflete-se em vários aspetos, principalmente no trabalho, e por fim, na produtividade e lucros das empresas. É um investimento que certamente vale a pena, não só para a empresa, mas principalmente pelas pessoas.

Certamente assim, as resoluções de Ano Novo serão levadas até ao fim 😊


Por equipas mais felizes!


João Maria Cavalleri

Social Media Manager

24 visualizações